Assembleia Geral da Apruma analisa caderno de textos do 39º Congresso do Andes e orienta delegação do Maranhão

A Assembleia Geral realizada no último dia 9 pela Apruma serviu para analisar os textos a serem discutidos e deliberados no próximo Congresso do Andes Sindicato Nacional, que acontece de 4 a 8 de fevereiro em São Paulo.

Quase toda a delegação estava presente, o que serviu também para discutir o posicionamento que representará a base da Apruma em relação a diversos temas que devem ser abordados neste que é o maior e mais importante fórum da categoria docente do Ensino Superior no Brasil.

A Assembleia, convocada antecipadamente pela Diretoria da Apruma, ao avaliar as teses que constam temas como conjuntura, central sindical, Future-se, carreira docente, relação do ANDES com outros movimentos sociais entre outros, chegou às seguintes indicações:

– sobre o Future-se: encaminhou-se que a delegação deve fechar posição totalmente contrária ao projeto, por tudo o que já foi discutido e por sua ampla rejeição pela comunidade acadêmica da UFMA em reuniões e assembleias, bem como em plenárias promovidas pela Apruma, por ser um ataque frontal ao que defende, historicamente, o movimento docente;

– sobre a CSP Conlutas, central a que Apruma e Andes são filiados, como esse ainda é um tema que vem sendo discutido na base, aos delegados ficou facultado votarem de acordo com suas convicções, mas considerando o significado da desfiliação ou da permanência para o movimento docente na UFMA. Antes de chegar a esse posicionamento, mais uma vez, foram discutidos os pontos divergentes adotados pela central em relação ao que o Andes analisa em relação à conjuntura nacional e internacional; sobre conjuntura internacional fechou-se posição, após votação, e de acordo com o que já sinalizara a direção da Apruma em reunião, não indicar voto em qualquer proposição que fira a soberania e a autodeterminação dos povos, bem como que implique em aproximação com as posições imperialistas, notadamente no que vem acontecendo na América Latina, como nos casos de Venezuela e Bolívia;

– sobre a MP 914 e a interferência bolsonarista na autonomia universitária criando regras para intervenção na escolha dos dirigentes das IFEs, a posição também foi a de indicar voto contrário a qualquer posicionamento próximo da MP e da adoção de listas tríplices para Universidades, Institutos Federais e para o Colégio Pedro II, no sentido de que indicou a Diretoria da Apruma em nota (veja AQUI);

– sobre o fortalecimento do Fórum Sindical Popular e de Juventudes por Direitos e Liberdades Democráticas, mais uma vez, após ampla discussão e votação pelos presentes, aprovou-se que a delegação que representará a base deve indicar seus votos favoravelmente ao fortalecimento do Fórum, o que já vem sendo feito pela Apruma desde sua última gestão, com participação em seu lançamento, em São Paulo, e no último evento realizado nesse sentido;

– sobre carreira docente a delegação deverá ficar atenta para aprovar medidas que fortaleçam as condições de trabalho, reajustes salariais e fortalecimento das carreiras Magistério Superior (MS) e Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT);

– quanto à participação do Andes no fortalecimento de outras pautas, como meio ambiente e movimentos populares, a assembleia de base indicou que os/as delegados/as votem em propostas que fortaleçam a soberania popular em usar ou se abster os recursos naturais, como a campanha dos territórios livres de mineração, proteger os modos de vida compatíveis à proteção das águas, florestas e biodiversidade.

A Assembleia orientou a delegação da Apruma a realizar reuniões durante todo o congresso para que a tomada de decisões de cada delegado/a seja a mais próxima possível do posicionamento da base.  A Apruma orienta, ainda, que a categoria docente acompanhe as discussões do Congresso, que acontece num momento em que é preciso fortalecer as lutas contra os ataques aos professores bem como aos conjunto da classe trabalhadora, aos direitos sociais e à educação pública, através do site do Andes, bem como em todos os canais da Apruma quando da realização do evento. Para acompanhar detalhadamente os assuntos que serão tratados e demais informações sobre o 39º Congresso, clique AQUI e nos demais links constantes dessa matéria.