Debate sobre o Future-se contará com transmissão e participação para os campi do continente

Importante debate sobre o Programa Future-se e suas consequência para o trabalho e carreira docente, que acontecerá nesta terça-feira, às 17h, no Auditório Central da UFMA (Campus do Bacanga), contará com a participação da professora Marina Barbosa Pinto, da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG).

A atividade será presencial para o público da Sede, além de ser transmitida na página da Apruma no Facebook, voltada para os campi do continente.

Além disso, os docentes dos campi fora da Sede (São Luís) poderão participar na parte de perguntas, enviando seu questionamento sobre o assunto para a mesa via WhatsApp da Apruma (98 9 8844 0401). Juntamente com a pergunta, deverá enviar seu nome, e identificar de qual campus está falando.

Apruma seguirá na discussão do programa com a comunidade universitária e a sociedade

O Future-se vem sendo apresentado em propagandas pagas pelo governo como a solução para a crise na Educação Pública. O programa também vem sendo mostrado como aberto à participação, embora haja uma pressão por adesão a partir do momento em que não se garantem, como previsto na constituição e na legislação sobre educação pública, os recursos para quem optar por ficar de fora, dadas as condicionantes que interferem na autonomia das instituições.

Vale lembrar que a crise para a qual se vende essa solução foi aprofundada pelo próprio governo ao cortar o orçamento do setor, que foi o mais atingido pelos cortes no orçamento público: somente este ano, a Educação já perdeu mais de R$ 6 bilhões de seu orçamento. Além disso, boa parte desse dinheiro foi desviado para pagar emendas parlamentares a quem votou a favor da reforma da Previdência na Câmara Federal, como declarado pelo próprio ministro da pasta. Com isso, ataca-se o presente, comprometendo a Educação, e o futuro, com as mudanças e obstáculos para aposentadoria.

Dessa forma, a Apruma entende que é essencial discutir a fundo o programa e suas intenções.

Além do debate com a professora Marina na terça-feira, outra atividade vem sendo planejada, esta para o dia 4 de setembro, às 17h, também no Campus do Bacanga (Auditório Principal do Centro Paulo Freire).

Na ocasião, o sindicato realizará uma Audiência Universitária, na qual pretende reunir todos os segmentos da comunidade acadêmica (estudantes, docentes, técnicos, gestores, terceirizados), e a sociedade em geral, bem como autoridades públicas, para avaliar e discutir o programa, apresentando seus anseios, dúvidas, receios e formas de resistência, numa grande Escuta sobre todos os aspectos do Future-se: na ocasião, os presentes, tanto em São Luís como nas demais unidades da UFMA (haverá transmissão e será assegurada a participação) poderão falar sobre os diversos aspectos do programa: carreira docente, financiamento da Educação Pública, privatização, ameaças etc.

Veja também:

Atenção Docente! Venha discutir impactos do programa Future-se sobre sua carreira e seu trabalho nesta terça-feira, 27