Confira mesa redonda sobre contrarreforma da Previdência

No Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência, última sexta-feira, 22, diversas atividades deram mostras da crescente mobilização social de resistência à contrarreforma.

Em São Luís, as atividade começaram logo cedo, com os docentes, mulheres em sua maioria, à entrada do Campus do Bacanga (UFMA) convidando a comunidade universitária a participar do debate que ocorreria no final da tarde, “A Contrarreforma da Previdência como Obstáculo à Aposentadoria”, com a professora Sara Granemman e o advogado Guilherme Zagallo.

Depois de uma grande passeata pela manhã nas ruas do centro da capital maranhense (veja mais aqui), o Dia Nacional de Luta encerrou suas atividades onde começou, no Campus do Bacanga, com as falas de Zagallo e Granemann sendo ouvidas por cerca de trezentas pessoas que estiveram no Auditório Principal do Centro Paulo Freire para entender mais sobre a tentativa de destruição da Previdência Social e unir-se à resistência contra essa ameaça.

Um pequeno grupo conservador tentou fazer o que considerava contraponto às falas, mas não conseguiram responder por que, se a reforma é tão boa, os países desenvolvidos não a aplicaram e a impõem às nações ditas em desenvolvimento, onde vêm causando inclusive onda de suicídio entre os aposentados, como ocorre no Chile – além de vir sendo revista em países onde já se provou ser ela um desastre (veja toda a exposição dos participantes da Mesa Redonda, juntamente com as intervenções do plenário, no vídeo a seguir).

Abaixo, além de imagens desta atividade, podem ser vistos também alguns dos dados importantes apresentados durante a Mesa, que pode ser vista na íntegra no vídeo ao final desta matéria: veja como sua vida pode ser afetada e junte-se à resistência contra mais esse ataque, participando ativamente das próximas atividades, que serão divulgadas aqui no site da Apruma.

Mesa redonda "A reforma da previdência como obstáculo à aposentadoria", com Sara Granemman e Guilherme Zagallo

Publicado por Apruma Seção Sindical em Sexta-feira, 22 de março de 2019