Dois eventos ocorrem nos próximos dias no Campus do Bacanga para tratar de questões atuais e de relevância social: no mês de março de luta das mulheres, o Geni/UFMA – Grupo de Estudos em Gênero Identidade e Memória – realiza o I Encontro Nacional e III Seminário de Gênero, Memórias e Identidades. A data da programação é de 26 a 28 deste mês.

Já o Grupo de Estudos: desenvolvimento, Modernidade e Meio Ambiente – GEDMMA – realiza seu V Seminário, que acontece concomitante ao I Seminário Internacional Povos e Comunidades Tradicionais Frente a Projetos de Desenvolvimento. A data do V SEDMMA, junto com o Seminário Internacional, é de 20 a 23 de março.

A inscrição de trabalhos para as programações já está encerrada, mas as discussões que eles trarão valem a pena ser acompanhadas.

O Encontro Nacional do Geni, por exemplo, terá debates temáticos, mostras de filmes e curtas, performances e conferências como “Feminismos Interseccionais: questões analíticas” e “Ativismo no Campos do Gênero: experiências”. Toda a programação pode ser consultada AQUI.

O V SEDMMA/ I Seminário Internacional de Povos e Comunidades Tradicionais, é organizado, além do GEDMMA, também pelo NERA/UFMA (Núcleo de Estudos e Pesquisa em Questões Agrárias (NERA), pelo Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais, Departamento de Sociologia e Antropologia da Universidade Federal do Maranhão e seus parceiros. A programação trará apresentação e debate de trabalhos, realização de mesas redondas compostas por pesquisadores (estrangeiros, de outros estados e locais), representantes de movimentos sociais e de órgãos governamentais, objetivando o aprofundamento do debate que relacione sociedade e ambiente no Estado do Maranhão, na Amazônia Legal, no Brasil e no Mundo. A programação, inscrição e lista de palestrantes convidados podem ser vistas no endereço: https://www.doity.com.br/v-sedmma

Ambos os eventos estão com páginas no Facebook:

Para acompanhar detalhes sobre o Encontro Nacional e III Seminário de Gênero, Memórias e Identidades, clique AQUI.

Para ver mais sobre o V SEDMMA e I Seminário Internacional de Povos e Comunidades Tradicionais Frente a Projetos de Desenvolvimento, atalhe AQUI.