Apruma denuncia parlamentares que votam pela retirada de direitos

Como parte das estratégias de luta contra os ataques aos direitos dos trabalhadores, a Apruma Seção Sindical instalou no muro de sua Sede Náutica, na Avenida dos Portugueses, em São Luís, grande cartaz com os nomes dos deputados federais e da bancada de senadores que têm votado constantemente para retirar direitos da sociedade, contribuindo com a pauta de Michel Temer.

São eles os deputados:

Waldir Maranhão (PP)

José Reinaldo (PSB)

Hildo Rocha (PMDB)

João Marcelo (PMDB)

André Fufuca (PP)

Sarney Filho (PV), atual ministro do Meio Ambiente, contraditoriamente já se manifestou contra a criação de uma reserva ambiental importante para a Ilha de São Luís – a Resex Tauá-Mirim

Alberto Filho (PMDB)

Victor Mendes (PSD)

Aluísio Mendes (Podemos), acusado pelos movimentos sociais de também incitar a população da Baixada Maranhense contra indígenas

Júnior Marreca, ex-prefeito de Itapecuru (PEN)

Juscelino Filho (DEM)

Cléber Verde (PRB)

Pedro Fernandes (PTB)

E os senadores

Edison Lobão (PMDB)

João Alberto (PMDB) e

Roberto Rocha (PSDB)

ELES AJUDARAM A APROVAR O FIM DA CLT, A TERCEIRIZAÇÃO IRRESTRITA, SALVARAM AÉCIO NEVES E PRECISAM SER DENUNCIADOS, AGORA QUE DEVEM PARTIR PARA O ATAQUE À PREVIDÊNCIA!

E dia 5, terça-feira, é greve geral!

O cartaz na Sede Náutica vem passando por vandalismo, mas todos podem compartilhar esta imagem e denunciar os inimigos dos maranhenses!